quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009


Tenho saudades...

Saudades de ser criança... e de sentir que nada me poderia travar

Saudades de não ter relógio...e de achar que nada me faria atrasar

Saudades de não conhecer as "pessoas"...e, portanto, não as poder julgar

Saudades dos momentos imprevisíveis...que agora evito para não os ultrapassar

Saudades de ter sempre razão...ou de saber como fazer acreditar

Saudades da irresponsabilidade sã...que nunca me deixava parar

Saudades da "cara" genuína...que agora tenho de disfarçar

Saudades de sermos "Os Seis" à mesa...de achar que nunca iria acabar

Mas, apesar de ter SAUDADE, sorrio...porque é este o sentimento que me mostra o quanto o meu passado valeu a pena, o quanto ele me deu e nada nem ninguém me poderá tirar!

10 comentários:

inês disse...

Com as saudades vem um reaprender a viver!

Eu também tenho muitas

liamaral disse...

E eu já tinha muitas saudades tuas! Força, minha querida!
:) Beijinho

FM disse...

As Saudades também nos ficam BEM.
Aproveita o melhor que elas te podem dar.
Beijos.

MINO disse...

Oi......

Passei aqui e..........

ADOREI VOLTAR :)

Bjocas GRANDES

Marilena' disse...

Saudades de ser criança e de tudo isso $
Somos seres tao inocentes, tao puros e verdadeiros quando somo crianças *.*
Mas vamos crescendo, e á medida que este processo se dá, vamo-nos apercebendo da realidade que nos circunda, tornando-nos assim aquilo que a sociedade quer que sejamos .
Saudades, algo que noz faz cerscer, algo que nos faz mudar.

Saudades ? Eu já as tinha de vir a este blog *

Bom post ^^

vsuzano disse...

pensava que tinhas saudade de olhar ao espelho..... do retrovisor claro!!!!!!!!!!!!

AnaLua disse...

e ei ja tinha saudades de ti :)
mas linda, é bom ter saudade...mas nao é melhor ainda aproveitar o "hoje" ao maximo??
bjinhossss

VIDA disse...

...Saudades de não ter relógio...e de achar que nada me faria atrasar...

O não tempo, o eterno Agora, o Presente momento onde tudo acontece.

As crianças vivem nesse mundo mágico.

Grato pela partilha deste texto

Paz

Melita disse...

saudades, saudades

Melita disse...

saudades, saudades